Projecto de leitura das guia img1 Projecto de leitura das guia img2 Projecto de leitura das guia img3 

Ao longo deste ano guidista, a 1ª Companhia de Celeirós está a desenvolver um projecto de leitura junto da comunidade local. No início do ano queríamos realizar um projecto de serviço que fosse ao encontro das necessidades da população em geral e das guias em particular e, aliado à vontade de uma das dirigentes fazer a especialidade de bibliotecária e ao facto de ter a biblioteca do Agrupamento de escolas de Celeirós aberta à comunidade alguns dias por semana à noite, surgiu a ideia do projecto de leitura.
Dividimos o projecto em duas fases: uma ao longo do ano com a realização de “Horas do Conto” e a segunda com a dinamização de uma biblioteca de jardim no Verão.

Para a realização da Hora do Conto fizemos uma parceria com o Agrupamento de escolas de Celeirós, mais especificamente, através da coordenadora da Biblioteca. Em Novembro apresentámos o projecto às guias. Cada patrulha teria de preparar uma Hora do conto e para isso contariam com a ajuda da coordenadora da biblioteca para a escolha da obra. Toda a parte da divulgação, desde cartazes, notícias nos jornais regionais e locais, convites e a preparação/dinamização de cada conto ficaria a cargo da patrulha. Queríamos com isto, dar uma nova vida à Biblioteca do Agrupamento de escolas de Celeirós!
Talvez por desconhecimento ou por falta de hábito, a biblioteca tinha um número muito reduzido de utentes nos dias em que estava aberta à noite. Com a Hora do Conto queríamos aumentar o número de utentes. Para além disso, em cada hora do conto contaríamos com a presença dos familiares e amigos dos elementos que estariam a dinamizar o conto bem como de outras guias.
E assim aconteceu! Como resultados tivemos os contos: “A Primeira Prenda do Pai Natal” de Alice Vieira, pela patrulha Joaninha; “Branca de Neve e os Sete Anões” de Jacob e Wilhelm Grimm, adaptado pela patrulha Teodora; “Toca que toca, dança que dança”, do livro “Vem aí o Zé das Moscas e outras histórias” de António Torrado, pela patrulha Rosa; “A Guerra do Tabuleiro de Xadrez” de Manuel António Pina, pela patrulha Malmequer; "A Fada Oriana" de Sophia de Mello Breyner Andresen, pela patrulha Pandora e “O dia que a mata ardeu” de José Fanha, pela patrulha Hemster; que contaram sempre com uma plateia muito simpática.
O bando não ficou de fora deste projecto. Para tal, as avezinhas que se encontravam nas asas azuis tiveram que inventar uma história, ilustrar e ensaiar as restantes avezinhas do bando e contar a sua história aos idosos do Lar de Celeirós. Neste momento, para terminarem a sua prova das asas azuis falta-lhes encadernar o livro. Depois, esse livro fará parte da lista de livros disponíveis na nossa biblioteca de Jardim.
Vai agora começar a segunda fase: a biblioteca de jardim! Como parceiro no projecto temos a Junta de Freguesia de Celeirós. A Biblioteca de jardim vai ser nas instalações da piscina da freguesia e vai dispor de livros, revistas e jornais fazendo com que os seus utentes leiam, assistam a horas do conto, participem em concursos, entre outros, durante o tempo que passam na piscina. Cada patrulha, com o acompanhamento das dirigentes, ficará responsável pela dinamização das actividades da biblioteca da piscina durante uma semana. Os livros serão fornecidos pelas guias, por habitantes de Celeirós e pela biblioteca do Agrupamento de escolas de Celeirós. A Biblioteca de piscina decorrerá no mês de Agosto e na primeira semana de Setembro.
Apesar de sabermos que é muito difícil mudar hábitos, achamos que devemos continuar com o projecto para o próximo ano (com algumas novidades), pois acreditamos que a pouco e pouco poderemos começar a notar a diferença!

1ª Companhia de Celeirós
Região de Braga

Partilhar esta notícia

Queres Ser Guia?

Formulário Queres Ser Guia

O Que Está A Acontecer
WAGGGS

wagggs

Sabias que?

Através das nuvens podes prever o estado do tempo?

Av. Miguel Bombarda Nº 128, R/C Esq. 1050-167 Lisboa   |   Tel.: 217 938 227   |   Fax: 217 938 228   | 
Direitos de autor © 2017 Associação Guias de Portugal. Todos os direitos reservados.